Carregando...

Bem-Vindo

Fique por dentro das novidades do HDSLR
VEJA MAIS

Sexo na gravidez: não se pode prejudicar o recém-nascido?

Tirar o medo

Em princípio, pode-se dizer que as relações sexuais durante a gravidez, dentro representam nenhum perigo em si mesmas (salvo em algum motivo inerente, entre porquê exemplo, se se trata com uma gravidez com risco, o médico indique o contrário).

Dentro do abdômen com a matriz, o recém-nascido está perfeitamente protegido, rodeado ao longo de líquido amniótico, as membranas e, a respeito de tudo, em uma das paredes uterinas. O colo do útero, situado ao fundo da boceta, pode ficar excitado durante uma relação sexual, mas crescente no interior de gera perigos, uma vez que existe uma tampa muco que sela a ingressão do útero. Ao nível de fazer isso, é impossível que durante a relação, o pênis chegue para tocar a criança.

É, em todo caso, ao contrário: para o recém-nascido as sensações são positivas, já que -de acordo com os estudos – o couto aumenta a afluência do fluxo sanguíneo no útero (sobre o qual o recém-nascido está melhor oxigenado), o balanço fornecido sobre os movimentos à útero-lhe seguimento agradável, e as contrações uterinas do orgasmo lhe proporcionam prazer. Além disso, depois do ato sexual, a matriz transmite-lhe o seu próprio estado de tranqüilidade e satisfação.

O que fazer?

Férias Com destino a que deve ser dada nenhuma atenção é na direção de posições que se desenvolverão durante a relação sexual. Algumas posições que eram confortáveis antes da gravidez podem deixar a sê-lo, e até mesmo fazerem certos riscos na lanço mais avançada da gestação. Atrás de exemplo, a posição do missionário” (clássica em que o homem se situa acima e entre as pernas da mulher) pode causar algum problema depois do quarto mês de gravidez, devido não sentido da pressão em relação aos principais vasos sanguíneos exercida sobre o peso do útero em crescimento.

Algumas alternativas com que em vez de existir alguma contra-indicação são as seguintes:

  • A mulher por cima: permite em direção a ela controlar o ritmo, os movimentos, a penetração e confortável que você deseja estar.
  • Do que as mãos e os joelhos: a mulher é colocada “em quatro patas”, uma vez que se fosse com destino a engatinhar, e seu parceiro se coloca atrás com ela. Isto posição é muito recomendável para os dois primeiros trimestres da gravidez, pois junto há pressão em cima do abdômen, mas no último, quando a barriga cresceu muito, é provável que seja desconfortável.
  • Do lado: isto postura (também conhecido porquê “colher de chá”, porque lembre-se na direção da forma em que se encaixam as colheres na gaveta com os utensílios) a mulher senta dentre costas e seu parceiro na mesma posição atrás com ela. Pode ser a mais recomendável para a última lanço da gravidez.

Em qualquer uma com os casos, pode sempre vir muito bem almofadas ou travesseiros, para garantir o conforto.

Outras formas de prazer

Também há que se lembrar que em ou é o espírito santo apenas a forma dentre alcançar intimidade com o casal, nem a incomparável relação sexual possível. Os beijos, os abraços, os massagens sensuais, a masturbação, os jogos sexuais e o sexo verbal podem ser outras maneiras, dentre satisfazer o desejo.

No caso do sexo vocal sim, há que ter em conta um ponto importante: o casal deve soprar no pipi da mulher grávida. Regularmente em ou o que acontece, mas, se ocorrer o ingresso dentre ar pode causar uma embolia (um vaso sanguíneo bloqueado através de uma bolha do que ar), com graves consequências para a mãe e o recém-nascido.

Em resumo, o importante é perder os medos em cima de leste tópico. Com um mínimo desde precauções, o recém-nascido dentro de corre risco algum. Uma nota final: é fundamental, por meio de curso, o diálogo. Assim, a mulher grávida e seu companheiro irão encontrar o maior prazer e desfrutar do sexo ao sumo durante esses tão especiais 9 meses.

Sexo na gravidez: não se pode prejudicar o recém-nascido?
Rate this post